Cenário energético: novo aumento no nível dos reservatórios é registrado em análise da Firjan – SINDUSCON-SF
UTF-8
Sistema FIRJAN
MENUMENU

NOTÍCIAS

Cenário energético: novo aumento no nível dos reservatórios é registrado em análise da Firjan



O ONS (Operador Nacional do Sistema), órgão responsável pela operação do sistema interligado nacional (SIN), indica que o nível dos reservatórios do sistema está em 25,50%, com uma elevação semanal de 0,56%. Nessa última semana houve uma melhoria nas precipitações que ficaram acima da média histórica. A expectativa é que os reservatórios do Sudeste/Centro Oeste, responsáveis por 70% da capacidade de geração hídrica do país, cheguem ao fim do mês com 18,7%, um aumento de 0,9 pp em relação a semana passada. A carga de energia do mês de novembro deve apresentar queda de 1,4% em relação ao mesmo período de 2020. Embora tenha ocorrido uma melhoria, todas as termelétricas disponíveis continuam operando e contribuindo com 32% da geração total de energia do SIN. Nesse sentido, visando manter a garantia energética, a geração termelétrica e a importação de energia da Argentina e do Uruguai alcançaram em outubro o maior patamar de fornecimento de energia desde abril desse ano.

Devido a sazonalidade, a geração eólica no Nordeste começa a reduzir. Em outubro essa geração obteve sua menor marca desde julho. Entre agosto e outubro as eólicas chegaram a representar 2,34% da energia armazenada nos reservatórios do subsistema Sudeste/Centro-Oeste. A geração eólica foi essencial para evitar falhas no abastecimento no período seco. Com a redução dos ventos, a flexibilização dos critérios de segurança da transmissão do Nordeste para o Sudeste voltarão aos parâmetros normais a partir de dezembro.

Apesar do fenômeno La Niña, até o momento o período úmido está se configurando no prazo e a transição período seco/chuvoso tem ocorrido de forma positiva. No entanto ainda é cedo para se ter uma boa previsibilidade de como será o ano hidrológico 2021/2022 e consequentemente relaxar com as medidas operativas de preservação do armazenamento dos reservatórios.

A Firjan vai continuar acompanhando as condições de abastecimento do sistema e informando aos seus associados de forma constante e atualizada as principais atualizações do panorama energético.

Fonte: Firjan.

Compartilhe: