Indústria fluminense cria mais de 4.500 postos de trabalho em fevereiro – SINDUSCON-SF
UTF-8
Sistema FIRJAN
MENUMENU

NOTÍCIAS

Indústria fluminense cria mais de 4.500 postos de trabalho em fevereiro



A indústria fluminense abriu 4.523 postos de trabalho em fevereiro. De acordo com análise feita pela Firjan, a partir da plataforma Retratos Regionais, os segmentos ligados à Construção Civil tiveram o maior saldo de vagas no período (+1.930), seguida pela Confecção de Artigos do Vestuário e Acessórios (+685) e pela Manutenção, Reparação e Instalação de Máquinas e Equipamentos (+602). Entre as regiões do estado, os maiores destaques na criação de postos de trabalho industriais foram a Capital (+1.738) e o Leste Fluminense (+546). O acumulado de 2021 já ultrapassa 7 mil novas vagas na indústria estadual. 

Em fevereiro, o estado do Rio de Janeiro abriu 15.530 novos postos de trabalho, com saldo positivo em todos os quatro grandes setores: serviços (+8.562), indústria e construção (+4.523), comércio (+2.333) e agropecuária (+112). Esse saldo é substancialmente superior ao de fevereiro de 2020 (+2.120). Em fevereiro deste ano, 75 dos 92 fluminenses apresentaram geração de empregos formais.

Nos últimos 12 meses terminados em fevereiro deste ano, o saldo do mercado de trabalho fluminense permanece negativo (-108.751), com fechamentos de vagas em todos grandes setores: serviços (-83.730), indústria e construção (-13.583), comércio (-11.346) e agropecuária (-92).

Outros destaques setoriais em fevereiro de 2021

No setor de serviços, os maiores volumes de contratações ocorreram nos segmentos Restaurantes e Outros Estabelecimentos de Serviços de Alimentação e Bebidas (+1.640) e Serviços de Catering, Bufê e Outros Serviços de Comida Preparada (+1.348). Já no Comércio, destaque para Hipermercados e Supermercados (+556) e Ferragens, Madeira e Material de Construção (+451).

Plataforma Retratos Regionais

A plataforma Retratos Regionais tem como base o saldo de empregos formais disponibilizados no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia. Em painel setorial são disponibilizados dados específicos dos setores industriais.

Em painel regional, que também permite a busca por município, é apresentado o cenário geral de empregos, incluindo todos os grandes setores.

Acesse aqui a plataforma

Fonte: Firjan.

Compartilhe:

Conselho de Meio Ambiente deba...

Na reunião do Conselho Empresarial de Meio Ambiente da Firjan, nesta terça-feira (06/04), Thiago Pampolha,secretário de estado do Ambiente e Sustentabilidade (foto:...